comorosasdeareia

palavras...como "rosas de areia" ou "flores do deserto"...

domingo, outubro 22, 2006


ESCREVER LAVA


Geralmente é quando leio
que o silêncio crepita distante.

É preciso então parar.
Prestar atenção:

Uma folha em branco
para conter a luz
antes que se perca
no escuro labirinto do momento.

Sinto
no ar seco
a invisibilidade
a que aspiro.

E na catedral inexistente
acendo uma vela imaginária
com a palavra.

Fábio Rocha

16 Comments:

  • At 10:53 da tarde, Blogger wind said…

    Enriqueceste este lindo poema com as cores nos versos:)
    beijos*

     
  • At 11:40 da manhã, Blogger mfc said…

    Escrever forte e com verdade é obrigação nossa.
    Fiquei impressionado.

     
  • At 4:30 da tarde, Anonymous ConchitaMachado said…

    Saudações
    !))

     
  • At 6:06 da tarde, Blogger herético said…

    ah, pois! a magia das palavras...

    ... e as tuas são sempre certeiras e belas.

     
  • At 7:42 da tarde, Blogger JPD said…

    Gostei muito do poema.
    (Apenas, fosse minha a escolha, optaria por outras cores.
    Mas está bem.
    Bjs

     
  • At 11:35 da manhã, Blogger Unicus said…

    Olá Maria. É sempre bom este regresso aos teus dominios mágicos.
    Beijinho

     
  • At 10:06 da tarde, Blogger Nilson Barcelli said…

    Gosto do que escreves.
    É sempre bom e este poema não foge à regra.
    Beijos.

     
  • At 5:14 da tarde, Blogger herético said…

    deixo um beijo, na passagem...

     
  • At 1:45 da tarde, Blogger Manel do Montado said…

    Passo para te desejar uma boa semana.
    Gosto do teu espaço mas gosto mais de ler o que é mesmo teu.
    Bjinho

     
  • At 2:05 da tarde, Blogger M.P. said…

    Um beijinho, Maria!Em pausa de Todos os Santos... Lindo este Poema! :)**

     
  • At 7:02 da tarde, Blogger herético said…

    um beijo...

     
  • At 4:34 da tarde, Blogger vida de vidro said…

    Um lindo poema! Por vezes nem medimos a força das palavras...
    Beijo, Maria.

     
  • At 4:46 da tarde, Anonymous Luís Galego said…

    bonito blog...parabéns

     
  • At 11:12 da manhã, Blogger lobices said…

    …as minhas saudações…
    …ao fim de 3 anos de escritos, o meu blogue http://lobices.blogspot.com morreu;
    …entendi que havia cumprido a sua “missão”…
    …porém, ele deu lugar ao livro “Lobices”, uma compilação de tudo o que foi escrito ao longo destes meus últimos anos de vida…
    …a vossa visita ao meu covil será sempre agradável e lá encontrarão o link para a aquisição do livro se esse gosto me quiserem dar…
    …a minha (e)terna gratidão pelo vosso apoio e presença ao longo destes tempos…
    …o vosso sempre amigo
    quim

     
  • At 7:54 da tarde, Anonymous Márcia said…

    saudade e vc, Maria.
    um beijo do verão.

     
  • At 6:44 da tarde, Blogger Bandida said…

    belo poema...

    mas o teu perfil...




    fantástico... e os lobos...



    abraço!
    _____________________

     

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home